Paranaense, trinta e poucos anos, formado em letras, evangélico, E... Gosto de escrever...
Por Waldryano
Para o blog Waldryano


Capítulo 6
Uma folhinha de eucalipto

Meu pai foi dormir cedo, fiquei meditando no Salmo 1, agora são dez e quarenta da noite, hoje estou sem sono, sou acostumada a dormir cedo.

No entanto, aquele momento que senti de orar pelo Robson fez eu pensar o que se passava com ele.

O Robson, lembro bem dos seus olhos quando me olhou, amendoados, seu sorriso, acanhado. Mas não entendo porque ele não vai muitas vezes na Igreja.

"-Senhor tu conheces meu coração, traga para minha vida a pessoa certa, que seja dos teus propósitos Pai". orei em voz alta após meditar na leituras bíblica.

De repente um toque na campainha. Que estranho essas horas e um toque só? Olho na janela quem vejo?

Aí, é o Robson. Mas o que ele esta fazendo aqui a essas horas? Será que atendo? Mas é o Robson...
Desci, abri a porta.

-Paz irmã Nelma, disse o Robson. Que voz linda a dele...

-Paz do Senhor, Robson o que esta fazendo essas horas, e eu vi você sair de carro agora a pé?

-Pois é ... Emprestei para o Nilmar, queria emprestar o seu celular para dar um toque para Ele.

Neste instante olhei para o Robson, fiquei meio constrangida e disse: -Claro, vou la buscar, voltei e dei o celular para ele, e num impeto inexplicável retirei uma folhinha que estava nos seus cabelos, uma folha seca. Ele tem os cabelos lisos...

Sempre pensava nele, orava para um dia ter a oportunidade de estar perto dele, e agora ele ali na minha frente,e nem acredito, mas veio a vontade de dizer o que falei. Sabe aquelas coisas que vem na mente da gente e falamos no impulso? enfim falei.

-Sabe Robson, depois daquele encontro com você senti de orar por você, orei eu o Pai e o Pastor.

-Por  acaso passou por algum livramento, pois eu me angustiei e tive que orar, logo após li o Salmo 1.

-Salmo 1? disse o Robson, meio atônito.
-Sim irmã Nelma acabei de passar por uma dificuldade, outro dia te conto com calma. Agora preciso ligar para o Nilmar já esta tarde.

-Assim é claro? Disse ao Robson, lembrando qual era o real motivo dele estar ali.

Então foi o Robson um pouco adiante fazer a ligação trouxe o celular e agradeceu. E eu? com aquela folhinha... Será de eucalipto? Mais tarde guardei dentro da minha Bíblia.

-Sabe Nelma, muito obrigado pela oração voltarei conversar com você, confesso que estou meio fraco na Igreja mas estou sentindo de voltar...

-Irmão Robson, a porta da igreja esta aberta. Nós da juventude somos receptivos e a sua família já é de casa. 

Meu coração bateu mais forte. Que alegria ouvir da boca do Robson aquilo. Ele foi embora eu fiquei observando da janela, logo após fui dormir, sentindo o cheiro daquela folhinha nas minhas mãos, ah, sem dúvidas é uma folha seca de eucalipto.

Meu pai? Dormia nem percebeu que fui atender a porta. Antes de dormir agradeci a Deus pela vida do Robson e pela cura do meu pai. 

Muito obrigado pela visita, não esqueça de dar maizinho no google+ e curtir no facebook, para comentar aqui tem que ser seguidor. Então siga-me no google friends, os links estão abaixo.
Deixe sua opinião
Por: Waldryano RJ 11.5.15 Comentarios | As ,

0 comentários:

A maioria dos textos e imagens expostos neste blog são de autoria ®Waldryano. Tecnologia do Blogger.

# Compartilhe